Celebração dos 80 anos da Província da Santa Cruz – Congregação das Irmãs de Notre Dame
17 de novembro de 2016 Notícias
destacada

Com o canto “Glória a Deus” ritmado pelo badalar do sino, um eco histórico invadiu o pátio do Colégio Notre Dame, na manhã de terça-feira (15). O instrumento – vindo de Mülhausen (Alemanha), em 1928 – anunciava às mais de 170 Irmãs da Congregação de Notre Dame que chegara a hora de celebrar. Reunidas, a partir das 10h, na capela da instituição de ensino, as religiosas comemoraram os 80 anos de fundação da Província da Santa Cruz. DCelebração - 80 Anos (2)urante o festejo, que recorda a independência financeiro-administrativa da unidade religiosa e foi prestigiado por representantes da Província Nossa Senhora Aparecida da mesma Congregação – que tem sede em Canoas -, foi celebrada missa em Ação de Graças.

Em 1937, 14 anos após a chegada das primeiras Irmãs ao Brasil, o que era um distrito missionário tornou-se autônomo, passando a ser uma Província. Seu nome decorre do fato de que o Brasil era conhecido, à época, no país de origem da Congregação – a Alemanha -, como Terra da Santa Cruz.

Foi na carta de Natal de 1936, escrita pela Superiora Geral da Congregação das Irmãs de Notre Dame, Madre Maria Antonie, que a independência foi divulgada ao mundo, nomeando Passo Fundo como a sede provincial das atividades e da missão das Irmãs no Brasil. “Gostaria de fazer-vos uma alegre comunicação de que as nossas casas no Brasil formam uma Província autônoma, com Casa Provincial e Noviciado em Passo Fundo, e a querida Madre Maria Valeriana como Superiora Provincial. Vós todas, queridas irmãs do Brasil, pertenceis à nova Casa da Província da Santa Cruz”, está escrito no documento.

Celebração - 80 Anos (7)Tais fatos foram relembrados, durante a cerimônia eucarística celebrada pelo padre Ivanir Rodighero, na qual foi enaltecido o desenvolvimento da Província em júbilo, ao longo das oito décadas. Atualmente, 201 religiosas a compõem, organizadas em 28 comunidades e outras cinco atividades, no Brasil e no exterior.

À tarde, após terem saboreado o almoço comemorativo, os participantes da celebração interprovincial reuniram-se no Auditório do Colégio Notre Dame, onde, mais uma vez, a história foi retomada, por meio de vídeos, slides e canções. Além disso, o Hino o jubileu, composto por Irmã Mirtes Roman e Irmã Neusa Schneider, foi entoado com alegria pelas religiosas, acompanhado por encenações das formandas e das jovens Irmãs.

Entre os momentos marcantes que perpassaram as sete horas de comemoração, esteve o reencontro das religiosas que eram da mesma província e que foram enviadas para comunidades diferentes, em 1962, quando foi fundada a Província de Nossa Senhora Aparecida.

Celebração - 80 Anos (24)A leitura dos documentos que deram origem à nova administração independente, feita pela Superiora da Província da Santa Cruz, Irmã Araci Maria Ludwig, também despertou a emoção daquelas que participaram da transição.

Celebração - 80 Anos (21)Além disso, por meio de exposição de objetos e relíquias que fazem alusão à história da missão Notre Dame em terras brasileiras, o espírito que une as religiosas no seguimento de Jesus e de seus ensinamentos foi reavivado.

Celebração - 80 Anos (26)Antes do encerramento da programação festiva – no qual, como em todo Jubileu, é servido bolo e confraterniza-se com alegria – a Superiora da Província Nossa Senhora Aparecida, Irmã Vania Dalla Vecchia, prestou homenagem às religiosas da Província da Santa Cruz, enaltecendo seu trabalho e fidelidade ao carisma Notre Dame.

O encontro celebrativo terminou, a história continua.


Veja mais fotos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>