Conduzidos pela Superiora Geral da Congregação das Irmãs de Notre Dame, educadores refletiram sobre o papel de evangelizadores
8 de setembro de 2018 Notícias
Imagem Destacada

“Somos chamados e enviados a sermos luz para o mundo. Não desperdicemos esta oportunidade ou a tornemos trivial.”

Proferido pela Superiora Geral da Congregação das Irmãs de Notre Dame, Irmã Mary Kristin Battles, durante aquela que foi a última conferência do IV Congresso Nacional de Educação Notre Dame, o conselho, certamente, reflete o ânimo com que os, cerca de, 700 participantes do evento começam a despedir-se da sua intensa programação.

DSC_0322Mais uma vez reunidos no auditório do Colégio Notre Dame Passo Fundo, na tarde deste sábado (08), os educadores assistiram à motivadora conferência “Presença e Liderança Transformadora à Luz do Projeto de Jesus Cristo” – ministrada pela religiosa que, em visita às obras mantidas no Brasil, acompanha o desenvolvimento da Missão Apostólica da Congregação, ao mesmo tempo em que encoraja os leigos, que unem suas competências e talentos aos das Irmãs de Notre Dame, a persistir sendo atuantes na construção do Reino de Deus.

Mencionando a Exortação Apostólica Evangelii Gaudium, escrita pelo Papa Francisco, a Superiora – que, por 30 anos, atuou na área da Educação, fosse como professora, supervisora escolar ou diretora – conduziu os educadores por uma reflexão acerca do seu papel como discípulos de Jesus Cristo. “Cada um dos batizados, independentemente da própria função na Igreja e do grau de instrução da sua fé, é um sujeito ativo de evangelização”, citou.

Essa perspectiva, segundo Irmã Mary Kristin, é um dos Princípios Educacionais Notre Dame, desde a fundação da Congregação, em 1850. “O professor, como testemunha dos valores de Jesus e como evangelizador, tem sido a base para o nosso jeito de educar”, afirmou, esclarecendo que, para que ele seja sal da terra e luz do mundo, o profissional deve ter um ótimo conhecimento do Evangelho e um relacionamento pessoal com Jesus.

DSC_0294Como educadores Notre Dame, prosseguiu a religiosa, tal missão deve ser desenvolvida conforme o carisma da Congregação das Irmãs de Notre Dame. “O Carisma é um dom especial, dado a uma Congregação pelo Espírito Santo. Santa Júlia, nossa mãe espiritual, e Irmã Aloysia, nossa fundadora histórica, transmitiram o Carisma de encarnar a bondade de Deus e o Seu amor providente”, explicou.

Agir de acordo com esse carisma, comenta a Superiora Geral, pode ter, atualmente, milhares de expressões, especialmente quando se pensa em como responder às muitas crises vivenciadas por todo o mundo e em como influenciar os educandos para que sejam uma resposta para a dor, o isolamento, o abuso e a negligência. Contudo, enfatizou, é pela palavra e pelo exemplo que se pode irradiar a luz do Evangelho sobre os fatos diários, ensinando crianças e adolescentes a fazer o mesmo. “Sentados a vossa frente, todos os dias, estão os líderes do amanhã. Modele-os em pessoas íntegras, que mudarão o mundo. Incentive-os a irem tão longe quanto seus talentos os levarem. Compartilhe com eles a alegria e o alento que vem de um relacionamento íntimo com Jesus Cristo e o empoderamento que vem do Espírito Santo, ao entregar a vida no cumprimento da missão do Pai”, concluiu.

Show com grupo vocal antecede a celebração de encerramento do IV Congresso Nacional de Educação Notre Dame

Antes de despedirem-se, na manhã de domingo (09), da profusão de sotaques possibilitada pelo evento, que reuniu docentes Notre Dame provenientes de diferentes regiões do país, além de professores da rede pública de ensino, os participantes do IV Congresso Nacional de Educação Notre Dame assistirão, nesta noite, à apresentação do grupo vocal Voice In. Formado por cinco jovens gaúchos, que unem suas vozes com harmonia extrema, o grupo caracteriza-se pela interpretação a cappella de músicas pop e de medleys com arranjos próprios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>